Milão com crianças: Planeje-se

A chegada a Milão é bastante tranquila (sendo bastante positiva, pois viajar 10 horas com criança nunca é assim tão tranquilo, principalmente se a criança “achou melhor não dormir”).

Você pode fazer um voo direto São Paulo-Milão pela Alitalia ou TAM, ou viajar por uma das diversas companhias aéreas e fazer escala em algum pontos da Europa, como Lisboa, Paris , Madrid, etc.

Chegando em Milão
Chegando em Milão

A chegada

Aeroporto de Malpensa

Geralmente o voo chega no Aeroporto de Malpensa (MXP)  que é um grande aeroporto, bastante antigo, mas que atende às necessidades.     Sentimos falta de pessoas para fornecer informações, um guichê de informação (só localizamos guiches de Onibus, cada um de uma companhia, guiche da Expo, guiche de Taxi… mas não um Guiche com informações gerais).  O Wifi funcionou bem na área de desembarque, mas não funcionou no saguão.. no momento em que mais precisamos.. sempre assim, então tenha em mãos o endereço do hotel, o telefone do amigo, etc..

Aeroporto de Malpensa
Aeroporto de Malpensa

De Malpensa para o Centro

Malpensa é muito distante do centro da cidade, cerca de 50 Km.     Há três opções para se chegar ao centro.  (O google maps oferece 4, sendo uma delas andar 10 horas a pé, estamos desconsiderando esta opção)

Taxi

Você pode ir de taxi para o centro ou hotel, custará cerca de 80-90 euros dependendo do horário.  Com muitas malas e crianças..  o preço vale o conforto.

Onibus

Outra opção muito boa é o Onibus Shuttle Malpensa-Estação Central. Há várias companhias e custa cerca de 8 a 10 euros o trajeto.  O Onibus fica estacionado bem na saída do aeroporto, então caminha-se pouquissimo.  Dá para usar essa opção mesmo com criança e carrinho de bebê.  Da Estação Central, o taxi para quaisquer hotéis do centro fica bem mais em conta.   Sai de 20 em 20 minutos aproximadamente.  Da estação, há taxis muito próximos, 30-50 metros. Malas de rodinha resolvem.

Onibus - Shuttle
Onibus – Shuttle

Trem

Também é uma opção boa em horários de trânsito intenso, chama-se Malpensa Express.  Se estiver com crianças, lembre-se que precisará andar um pouco mais. O trem sai do piso -1, custa mais do que o onibus, pouco a mais e vai até a Estação Central ou Cadorna.

Aeroporto de Linate

De Linate, há também os mesmos serviços de transporte: ônibus, taxi e também ônibus normal de linha (para quem não tem malas). O taxi custa cerca de 45 euros até o centro.

 

Aplicativos

Temos nosso post com as dicas dos principais aplicativos a serem baixados.     Quanto aos específicos da cidade de Milão, testamos:

Milan Maps – Meu preferido, mapinha despretencioso, facil de usar, tem todas as ruas, sem muita frescura.  É rápido e funciona offline. Já usei em outras cidades e gosto bastante. É essencial.

Offline Maps – pesado para baixar

Milan Underground – muito bom, no entanto vem na horizontal e o celular é vertical (?!) tem propaganda, mas isso não atrapalha. Clicando no topo esquerdo aparece o menu. Bem simples, todas as linhas de metro, com todas as paradas (é só isso que ele faz, mas já é grande coisa, pelo menos não complica ao faze-lo). Essencial para quem pretende andar de metro.

Expo 2015 – aplicativo que entrará em desuso após o dia 31 de outubro, a menos que queira guardar o aplicativo do evento que você foi como lembrança.. mas ocupa espaço..  Está bem feito, tem bastante informação.  Então quanto viajar para participar de algum evento, confira se fizeram o aplicativo.  Sempre facilita.

Milano – design para celular, fica esquisito no tablet.. miudinho.  Um bom guia geral, se estiver atualizado.  São várias listas com endereços: Shoppings, Bares, Restaurantes, free Wifi, Emergencie…  Provavelmente você usará muito pouco, mas se precisar, ele tem a lista com todo os telefones de emergência da cidade.

Predios
Predios lindos de Milão

Comprando Chip Pré-Pago em Milão

Primeiro passeio em Milão, o Duomo?  Não, a fila na loja da TIM ou Vodafone!  Sonho de consumo do turista é um chip pré-pago com internet banda larga.  Facilita a vida e muito. Se a viagem durar mais de 2 ou 3 dias e não for excursão, vale a pena.  Liderdade para entrar nas redes sociais, para baixar todos os aplicativos que não funcionam offline, para postar suas fotos no instagram…

Quanto custa?  Em torno de 20 euros (preço setembro de 2015 – operadora TIM) Há também Vodafone, escolha o que preferir.  Na loja você compra o chip para celular ou tablet. O da TIM tem validade de 30 dias e uma quantidade de minutos para falar e MB para download.    Após a compra, em uma hora mais ou menos o serviço é ativado e em mais uma hora os créditos entram na sua conta.  Então, não é para já! Um pouquinho de paciência é necessário. A recarca pode ser feita em qualquer outro ponto de venda, não precisa ser na loja.

Para o tablet, o chip funciona, mas a velocidade não impressionou.

Com crianças

No centro de Milão não há muitos parquinhos. A primeira vez que fomos, sentimos muita falta, achamos a cidade não muito Kid´s friendly.  Desta vez, andamos pela Cittá Studi e nos impressionamos com a praça próxima a estação de metro Dateo.  Por ser férias, a área estava lotada de crianças! Há vários parquinhos com brinquedos.  Não estão impecáveis mas nenhum brinquedo estava quebrado e as crianças estavam se divertindo.  Logo em frente, várias lojinhas (inclusive de Chip Pré-Pago), Gelatteria, Boulangeries, etc.  Super tranquilo e arborizado.  Então, saia também do centro e explore outros bairros com as crianças.

Parquinho em Citta Studi
Parquinho em Citta Studi

 

Algumas comidinhas

Gelatto
Gelatto
Comidinhas
Comidinhas

 

Segurança em Milão

Como em qualquer cidade grande, tome cuidado com a carteira nos lugares mais cheios, como metro e pontos turisticos.  Não ande desacompanhado a noite em bairros que não conhece.  Não aceite ajuda de estranhos para coisas que envolvam dinheiro, procure sempre o fiscal, funcionário ou policial.  Tenha sempre um número de serviço oficial de taxi, não se arrisque.  Não dê bobeira.   Na verdade, tome mais cuidado do que tomaria em sua própria cidade, porque perder passaporte, celular, etc durante a viagem é uma chatice em dobro.

 

 

Compartilhe esta página..
Share on Facebook
Facebook
0Pin on Pinterest
Pinterest
0Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin

Comente pelo Facebook

comentario(s)

Seguir Mari Christine:

Editora

Sou formada em Comunicação e Turismo. Adoro viajar pelo mundo ou através de filmes e livros. Não tenho problema de ir ao mesmo lugar milhões de vezes ou de não sair do hotel. Adoro planejar a próxima viagem!