Grécia: A Biblioteca de Adriano em Atenas

Nem todos os passeios que fazemos são programados.  Este foi assim.  De repente a Biblioteca de Adriano estava ali na nossa frente.    Caminhamos da Praça Syntagma por toda a Rua Ermou e viramos a esquerda na Aiolou. Foi assim que chegamos por acado na biblioteca.   É possível ver a biblioteca sem pagar o ticket de entrada, mas não compensa, porque custa menos de 5 euros e, já que está ali… por que não.A Biblioteca de AdrianoA Biblioteca de Adriano

A Biblioteca de Adriano – histórico

A Biblioteca de Adriano foi construída no ano de 132 pelo Adriano, o imperador.  Uma igreja paleocristiana foi construída no pátio central no século V.  No Século VII foi construída uma basílica de três naves, que foi substituída por outra igreja no século XI, por uma igreja bizantina. 

A biblioteca ficou abandonada por muitos anos, até que em 1885, um incêndio no local levou a uma escavação.  Alguns blocos de calcário foram encontrados e o local começou a ser refeito e restaurado.

Entre 1960 e 70 a fachada foi restaurada.

A Biblioteca de Adriano A Biblioteca de Adriano A Biblioteca de Adriano A visita

A visita dura cerca de uma hora.  Não há guia. Você recebe um folheto com algumas explicações básicas e há os dois totens acima com alguns dados adicionais.  Mesmo assim, a visita é bem agradável (se não estiver chovendo nem um sol escaldante).

Você pode caminhar por toda a área onde foi a biblioteca e a igreja.  Há uma parte em restauração, como em todos os lugares históricos de Atenas (fico só imaginando.. é muita coisa e é tudo muito antigo!).

Há também as oliveiras e as colunas.  Uns banquinhos para sentar.  Minha filha adorou o passeio.  Como passear em uma grande praça só que muito antiga.

A Biblioteca de Adriano A Biblioteca de Adriano A Biblioteca de Adriano

A Biblioteca de Adriano
A Biblioteca de Adriano
A Biblioteca de Adriano
A Biblioteca de Adriano

A Biblioteca de Adriano

 

Recomendamos a visita.  Rápida e muito interessante.

Na rua da biblioteca há muitas lojinhas e restaurantes, além de barracas de souveniers.

Compartilhe esta página..
Share on Facebook
Facebook
0Pin on Pinterest
Pinterest
0Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin

Comente pelo Facebook

comentario(s)

Seguir Mari Christine:

Editora

Sou formada em Comunicação e Turismo. Adoro viajar pelo mundo ou através de filmes e livros. Não tenho problema de ir ao mesmo lugar milhões de vezes ou de não sair do hotel. Adoro planejar a próxima viagem!