Destino Rússia e Copa do Mundo 2018

postado em: Dicas, Em alta, Eurásia, Férias 0

A Rússia é o destino da vez esse ano. País sede da Copa do Mundo de 2018, irá receber turistas de todos os cantos do planeta. Que tal conhecer um pouquinho da história desse lugar tão fascinante?

Hoje é o mais país do planeta em área. E o nono país mais populoso. A história da Rússia é cheia de invasões, conquistas, guerras. No início do século XVIII já era conhecido como Império Russo, com uma extensão que ia da Polônia até o Pacífico.

O país tem várias passagens bastante conhecidas de sua história como a época dos Czares, a Revolução Russa, a época da Cortina de Ferro e da Guerra Fria.

Uma história que inspirou algumas lendas também, como da princesa Anastácia, que é até mesmo desenho animado da Fox Animation.

A Copa do Mundo 2018

Como a Copa do Brasil, na Rússia as distâncias também são continentais entre as cidades que vão sediar os jogos. Por isso é importante planejar seu itinerário e definir os locais onde você vai querer estar em cada fase.

Entre Moscou e Rostov-On-Don, duas das cidades onde o Brasil joga na primeira fase estão distantes 1.100 quilômetros. Duas horas de voo non-stop pela Aeroflot.

Mas é claro que não será só futebol! Vamos aproveitar para conhecer os pontos mais interessantes de cada uma das cidades!

Dicas sobre a Rússia

Língua, cultura, costumes. Vale a pena saber um pouquinho mais sobre a Rússia antes de embarcar nessa aventura. O país é lindo. Tem muitos pontos para conhecer e muito a oferecer para quem gosta de história, artes, museus, culinária típica, artesanato.

Conhecer um pedacinho da Rússia foi uma experiência incrível. E deixou vontade de voltar e explorar novos lugares. Mas confesso que também causou estranheza no início.

Idioma

Começando pela língua. O idioma oficial é o russo, que na língua escrita usa o alfabeto cirílico, que tem diversas diferenças com o nosso alfabeto. É difícil ler placas na rua e saber rapidamente para que lado fica a saída.

Eu comprei um guia de bolso, daqueles com frases prontas e inúmeras palavras que podem ajudar numa hora de aperto. Mas confesso que demorou alguns dias para conseguir me orientar no metrô e na cidade.

Moeda

O rublo é a moeda oficial da Rússia. E perante o Real é uma moeda desvalorizada. 100 RUB valem aproximadamente R$ 5,80 (cotação pela internet em abril de 2018).

O custo de vida no país é baixo, comparado com Europa ou Estados Unidos. Hospedagem e alimentação não são caros. Porém a exceção é para o período da Copa do Mundo de 2018. Motivo para ter mais cuidado e pesquisar antes de comprar e reservar sua viagem.

Preços

Uma pesquisa rápida no TripAdvisor por exemplo mostra os valores de diárias de hotel até 10 vezes mais altos em junho e julho desse ano do que em maio.

Um pacote para a Copa do Mundo incluindo somente parte terrestre e os ingressos para a primeira fase dos jogos pode ficar em torno de R$ 31.000 (trinta e um mil reais) por pessoa!

Clima

Pensando no clima a melhor época para visitar a Rússia é mesmo durante o verão, entre os meses de junho e agosto. Calor e muita luz. Os dias são longos. É quando acontece o famoso “sol da meia noite”.

O verão em Moscou pode ser bem quente. Quando estivemos na cidade o calor era intenso, e as guias que estavam conosco relataram verões bem quentes na cidade, com temperaturas acima dos 35 C

Os meses de abril, maio e setembro tem temperaturas amenas, nem muito frio, nem muito calor. Porém o inverno na Rússia é bem severo. Mesmo em cidades como Moscou as temperaturas em janeiro podem chegar a -20 C com sensação térmica ainda mais fria.

Casas, escritórios, lojas, transporte e mesmo as principais ruas da cidade estão preparadas para o frio. Mas é bastante intenso. E o tempo de luz de sol é curto. Nos meses de inverno anoitece por volta das 16:00 horas!

Visto

Não há mais necessidade de visto para brasileiros com passaporte brasileiro desde 07 de Junho de 2010 para entrar na Rússia.

Fuso Horário

Outro ponto que foi complicado no início da viagem. Moscou tem uma diferença que varia de 5 a 7 horas a mais que São Paulo. A variação depende do horário de verão de cada país. Adotando o horário de verão em 2018, serão 7 horas de diferença durante os jogos da Copa do Mundo.

Na cidade de Ekaterinburg a diferença é ainda maior. São 9 horas de fuso.

Quer saber mais sobre a Rússia, as cidades e os pontos turísticos que vistamos? Acompanhe aqui no blog a seria que estamos preparando com muito e muitos detalhes sobre o país da Copa do Mundo 2018.


Se você está planejando sua viagem para Rússia acompanhe as dicas dos próximos posts no blog. Confira também como ficar conectado durante todo o tempo com o chip da MySimTravel. Clique aqui para detalhes.

Para reservar e consultar os melhores hotéis clique aqui.


Gostou das informações que juntamos para você? Nosso post foi útil para seu planejamento de viagem?  Para saber mais sobre os hotéis e restaurantes, consulte os comentários no TripAdvisor

Então deixe o seu like ou um comentário, a gente gosta muita da interação com o leitor! Sua opinião é muito importante para nós e nos ajuda a melhorar ainda mais o nosso conteúdo!

Acompanhe nossas viagens pelo Instagram @maripelomundo.blog e na nossa página do Facebook Mari Pelo Mundo.

E se você está planejando sua viagem confira nessa página os links dos nossos parceiros e páginas para reservar seus hotéis, alugar carro, pedir seu chip de internet, fazer o seguro de viagem e comprar passagens aéreas. Para roteiros personalizados que detalham dia a dia sua viagem com sugestões dos melhores pontos a serem visitados nos consulte pelo e-mail: [email protected]

Cada vez que você contrata um serviço usando os nossos links está ajudando a manter nosso blog. Procuramos sempre trazer novos destinos e experiências vividas por nós que poderão contribuir para que a sua viagem seja ainda melhor.

 

 

Compartilhe esta página..
Share on Facebook
Facebook
0Pin on Pinterest
Pinterest
0Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin

Comente pelo Facebook

comentario(s)

Seguir Andrea:
Sou publicitária e amo viajar. Um grande objetivo: conhecer ao menos um lugar novo a cada ano. Trago aqui dicas e experiências que tive com essas viagens ao longo do tempo. Alguns lugares agora até se repetem, mas com a diferença de viajar na companhia do filhote pequeno.
Últimos Posts de